quarta-feira, 22 de março de 2017

SAMPLER 2017 - BLOCO 6

Bom dia!

Eu adoro o outono: época deliciosa para costurar e planejar projetos para o inverno! Aqui a nova estação chegou trazendo manhãs bem mais frias e dias mais confortáveis.

E hoje é quarta-feira, dia de bloco novo! Nas últimas duas semanas nós confeccionamos blocos que utilizavam bipartidos; hoje vamos aprender a costurar tripartidos.

Este é o nosso bloco da semana:

Ele é formado por 4 tripartidos - todo mundo vai ficar craque! Mas também incluí 4 bipartidos nos cantos: assim a gente aprende algo novo mas reforça o que já fez antes.

Os tripartidos envolvem o segundo tipo de triângulos - o QS. Quem acompanha nossas aulas desde antes deste projeto já aprendeu, na lição 7, que temos dois tipos de triângulos: o HS e o QS. Se você não conhece a diferença, não deixe de ler a lição com atenção. Ela vai te mostrar o motivo, a solução do problema e como cortar cada um deles.

Nosso bloco precisa medir 8 polegadas; então, cada quadradinho da grade quadriculada vale duas polegadas. Nossa lista de corte vai ficar assim:

PEÇA A:

É um retângulo de 2 x 4; corte com 2 1/2 x 4 1/2, no tecido coringa, 4x; reserve.

PEÇA B: É o tripartido.

O triângulo maior, azul médio, é um HS; precisa medir 2 polegadas; corte quadrados de 2 7/8 (o acréscimo de 7/8 é uma tabela fixa que está explicada lá na lição 7). Você vai precisar de 4 triângulos, então corte dois quadrados (1 quadrado = 2 triângulos). Reserve.

Os triângulos menores, em azul mais escuro e branco, são do tipo QS. Precisam medir 2 polegadas; corte quadrados de 3 1/4 (o acréscimo de 1 1/4 é uma tabela fixa que está explicada lá na lição 7). Você precisa de 4 triângulos no tecido escuro e 4 no tecido coringa. Corte 1 quadrado de cada (1 quadrado = 4 triângulos).

Para montar o tripartido:

Na base de corte, posicione os quadrados de 3 1/4, direito com direito, bem alinhadinhos; corte na diagonal DUAS VEZES. Você obterá 4 pares de triângulos bicolores; costure como mostrado abaixo (faça 4 peças):

Em seguida, prepare os triângulos em tecido de cor média: corte os quadrados de 2 7/8 na diagonal UMA VEZ. Costure cada um desses triângulos com uma peça bicolor preparada no passo anterior (faça 4 peças):


Seus 4 tripartidos estão prontos! Monte o catavento central do bloco desta forma:


PEÇA C: É o bipartido que você já conhece. Cada um mede 2 polegadas, portanto corte os quadrados com 2 7/8; corte dois quadrados em coringa e dois quadrados em azul. Monte os 4 bipartidos como já ensinado nos blocos anteriores deste projeto.

Agora você já tem todas as "pecinhas de lego" para montar o bloco. Proceda assim:


Os tripartidos são muito úteis e vão estar presentes em muitos blocos que veremos por aí. A própria lição 7 mostra um modelo; a lição 6 apresenta vários outros. E você sabia que os tripartidos podem formar uma bela borda? Veja só:


Ou, dependendo do tamanho dos tripartidos, um caminho de mesa (o exemplo natalino é do Pinterest):


Enfim...o céu é o limite quando a gente aprende a confeccionar um grande número de sub-unidades e suas combinações. No mais, é manter os olhos bem abertos para todas as combinações e possibilidades que só enxergamos quando entendemos essas noções de design. É esse conhecimento que o Baú da Cotinha deseja oferecer a todos que seguirem este projeto. Continuem com a gente e até quarta-feira que vem!


quarta-feira, 15 de março de 2017

SAMPLER 2017 - Bloco 5

Bom dia!

Hoje é quarta-feira e dia de bloco novo!

Na semana passada, quando ensinei o churn dash, citei uma de nossas lições básicas láaaaa de trás como referência para a montagem do bipartido. Uma pessoa me escreveu com dúvidas sobre o esquema de montagem daquele bloco que é citado lá - o bloco estrela. Então vou utilizá-lo como nosso 5º bloco e detalhar mais sua montagem.

O bloco estrela é formado por 12 bipartidos, então será um bom treino:


Como nosso bloco precisa medir 8 polegadas; cada sub-unidade será confeccionada com 2 polegadas. Corte os quatro quadradinhos (dos 4 cantos) em coringa, medindo 2 1/2", e reserve.

Agora vamos aos bipartidos; se eles precisam medir 2 polegadas, serão cortados com 2 7/8". 

Eis a lista:
  • O bloco tem 8 triângulos em cor escura - corte 4 quadradinhos;
  • Temos ainda 8 triângulos em cor média - corte 4 quadradinhos;
  • E por fim, precisamos de 8 triângulos em coringa; corte 4 quadradinhos.

Monte os bipartidos conforme explicado na Lição 4. Repare que você tem no bloco 12 bipartidos, sendo:
  • 4 bipartidos cor escura + coringa;
  • 4 bipartidos cor média + coringa;
  • 4 bipartidos cor média + cor escura;
Portanto monte seus bipartidos respeitando as cores desta forma:

Repare também que não é preciso riscar TODOS os quadradinhos; em cada par que for costurar, risque apenas um dos quadradinhos - o de cor mais clara, onde for possível enxergar melhor o risco.

E atendendo a pedidos: como marcar os quadradinhos para costurar bipartidos? Vamos lá:
1) Faça um risco exatamente na diagonal do quadradinho;
2) Risque novamente, a 1/4 de polegada de distância, de cada lado do risco central; repare na marcação da régua;
3) Os riscos ficam assim.
IMPORTANTE: use um lápis 2B com a ponta bem afiada; um risco grosso prejudica a acurácia. Repare, na foto 2, como eu inclinei o lápis: isso faz com que o risco fique bem juntinho da régua, o que também faz diferença!


Agora, vamos à confecção do bloco: monte todas as peças na bancada na posição certa para formar o design; tenha em mente que o ideal é transformar as sub-unidades em linhas, então vamos trabalhar assim:

ATENÇÃO AO COSTURAR: Cada par deve estar na posição certinha - tome cuidado para não girá-los sem querer ao posicionar na máquina.

Agora vamos continuar unindo os pares para formar as linhas; deite as peças CD sobre as peças AB, direito com direito, e costure do lado direito:
Agora você tem 4 "linhas" prontas! Antes de uní-las, passe as margens de costura para lados opostos como mostrado abaixo:


Agora costure as "linhas" juntas até finalizar o bloco. Está pronto!

Este bloco presta-se muito bem ao trabalho com scraps - ou "sobrinhas". Você pode ir costurando bipartidos com qualquer retalhinho que der sopa, e no final montar os blocos para uma colcha. Imagine só:
Acima eu usei apenas dois blocos diferentes - duas combinações de cores. Mas o céu é o limite - você pode usar todas as cores do mundo!

Se preferir, também pode usar faixas divisórias de uma só cor para ganhar em tamanho e dar unidade ao projeto pronto:


Não deixe de ler a Lição 9 - ela traz sugestões para você "brincar" com seus blocos e criar peças super diferentes.

Este foi então nosso 5º bloco do sampler. Semana que vem tem mais. Quem aí já confeccionou algum? Envie a foto para a gente postar! Estes aqui são os meus quatro primeiros:


E estes são os dois primeiros da Érika Dany. Ela escolheu um ousado esquema em preto-e-branco; estou curiosa para ver o resultado final - vai ficar super moderno!
Boa semana para todos! Até quarta que vem!

quinta-feira, 9 de março de 2017

Baú de Quem?

Da Cotinha! Ou Maria da Conceição Xavier Ramos, nascida em 09 de março de 1910 - há exatos 107 anos.

Cotinha era minha avó materna. Costureira, apaixona por plantas, dona de um quintal cheio de ervas medicinais e roseiras... e em todas as ocasiões perfumada de alfazema. Em minhas lembranças de infância estão sempre presentes o perfume da vovó, o som assoalho de madeira do quartinho onde costurava (e para onde eu ia primeiro quando chegava à casa dela!), e seus olhos sorridentes, incrivelmente azuis!


Vovó Cotinha se foi aos 84 anos, vinte e um anos atrás. Hoje eu comando um ateliê de patchwork e a máquina que ela usava está aqui, decorando o espaço e nos fazendo lembrar dela todos os dias. Mas nem precisava! 

A vovó faz muita falta! Mas que bom que ela deixou tantas boas lembranças!

quarta-feira, 8 de março de 2017

Projeto Sampler 2017: BLOCO 4

Bom dia!

Hoje é dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher! E, sendo quarta-feira, é dia também de bloco novo!

Eu tinha prometido que ia incluir triângulos no bloquinho da semana; então nosso bloco hoje será uma variação do tradicional Churn Dash:

Eu disse "variação" porque a versão mais tradicional deste bloco é montada em uma grade de proporção 3 x 3; como os nossos blocos precisam medir 8 polegadas, adaptei o design para uma proporção 4 x 4. Em nossas aulas básicas numeradas (veja marcador na coluna da direita) você encontra lições sobre o sistema de proporção e grade invisível.

E por falar em aulas básicas, lá você encontra também lições sobre a utilização de triângulos no patchwork: triângulos podem ser sinônimo de encrenca, pois ao cortá-los pelo menos uma das extremidades vai coincidir com o viés do tecido, e isso causa uma certa instabilidade na peça: a parte enviesada da trama perde a forma com facilidade, dificultando que se consiga a medida final desejada. 

Mas, como tudo na vida, existe jeito: o segredo é a forma de cortar. Existem dois jeitos diferentes de cortar triângulos, e é importante entender a diferença. A Lição 7 trata especificamente desta questão. Nosso bloco de hoje vai utilizar apenas um desses tipos de triângulo - o HS.

Vamos à lista de corte:

Peça A: Mede 4 polegadas; corte com 4 1/2", apenas uma vez, no tecido coringa. OU... já que ela é uma peça de tamanho maiorzinho, você pode ousar e escolher uma estampa mais elaborada; você pode até mesmo escolher um motivo ilustrativo em um tecido (um buquê de flores, um ursinho, um barquinho, uma fruta) e centralizá-lo no bloco.

Peça B: É formada por dois retângulos medindo 1 x 4; corte com 1 1/2 x 4 1/2" - 4x em coringa, e 4x em tecido escuro. Una um retângulo de cada cor para formar as quatro peças (ou faça um strip-piecing como já mostrado em blocos anteriores!).

Peça C: Aqui no ateliê nós batizamos de bipartido. Essas peças utilizam triângulos HS, e é preciso cortá-los com o tamanho desejado + 7/8 (conforme explicado na lição 7). Elas medem 2 polegadas; corte portanto com 2 e 7/8*.

     *NÃO HÁ NECESSIDADE DE CÁLCULOS OU CONVERSÕES PARA CENTÍMETROS: SUA RÉGUA EM POLEGADAS TEM TODAS AS MARCAÇÕES QUE VOCÊ PRECISA! AS POLEGADAS DIVIDEM-SE EM 8 OITAVOS; PROCURE NA RÉGUA AS MARCAÇÕES DE OITAVOS, E CONTE OS 7 OITAVOS QUE VOCÊ PRECISA.

Não corte os quadrados na diagonal para obter triângulos: na verdade, você vai costurar primeiro e cortar depois. Na Lição 4 você encontra instruções ilustradas para confeccionar essas peças.

Agora que você já tem as sub-unidades prontas, monte o bloco assim:

Dever de casa: faça uma busca no Google ou no Pinterest usando "churn dash quilt". Você vai ver incontáveis possibilidades! Aqui vão algumas favoritas minhas:

Projeto multicolorido e com blocos em tamanhos variados: uns dentro dos outros!

Colcha monocromática: sou fã dos azuis!

Bloco Churn dash com coração no centro! Podia ser também um catavento, uma casinha... (sim, vamos ter blocos "coração" e "casinha" em nosso sampler).

Mistura bacana de blocos positivos (fundo branco, design colorido) e negativos (fundo colorido, design branco)
Agora se jogue na internet e descubra os SEUS favoritos!

Até semana que vem!


quarta-feira, 1 de março de 2017

Projeto Sampler 2017 - Bloco 3

Bom dia!

Quarta-feira de cinzas, aquela sensação de anti-climax, desânimo de retomar a rotina... então, nada melhor do que um projeto novo para animar! Ainda dá tempo de juntar-se a nós - veja as postagens anteriores!

E para quem já está no embalo, vamos ao terceiro bloco: um log cabin. Log cabin, para quem não sabe, é um tipo de moradia construído pelos primeiros colonos na América do Norte; a gente vê muito nos filmes - construções simples feitas em toras de madeira - ou "logs":


Essas cabanas bem simples tinham poucos cômodos; sala de estar e cozinha eram uma coisa só, e a lareira, que servia de fogão, era o centro da casa; por isso, tradicionalmente os blocos de patchwork log cabin empregavam a cor vermelha no quadradinho central, simbolizando o fogo em torno do qual a família reunía-se. 

Quase todo bloco de patchwork tem uma origem fascinante - vale a pena pesquisar. Existem inúmeros tipos de blocos log cabin, mas vamos apresentar aqui o mais simples e mais tradicional:

O bloco log cabin não é montado pelo sistema de sub-unidades mostrado em lições anteriores; mesmo assim, suas partes são proporcionais a uma grade, como já aprendemos.

Como nosso bloco precisa medir 8 polegadas, o quadradinho central vai medir 2 polegadas; e todos os "logs" terão 1 polegada de largura.

Para obter o efeito diagonal típico do bloco, escolha cores diferentes para um e outro do bloco; se estiver confeccionando um sampler monocromático, escolha três tons mais claros para um lado, e três tons mais escuros para o outro (como mostra a ilustração acima).

Nossa lista de corte fica assim (cortar apenas 1 peça de cada):

Centro: cortar 1 quadradinho em azul escuro, medindo 2 1/2"

Peça A: cortar com 1 1/2" x 2 1/2" (azul claro 1)

Peça B: cortar com 1 1/2" x 3 1/2" (azul claro 1)

Peça C: cortar com 1 1/2" x 3 1/2" (azul escuro 1)

Peça D: cortar com 1 1/2" x 4 1/2" (azul escuro 1)

Peça E: cortar com 1 1/2" x 4 1/2" (azul claro 2)

Peça F: cortar com 1 1/2" x 5 1/2" (azul claro 2)

Peça G: cortar com 1 1/2" x 5 1/2" (azul escuro 2)

Peça H: cortar com 1 1/2" x 6 1/2" (azul escuro 2)

Peça I: cortar com 1 1/2" x 6 1/2" (azul claro 3)

Peça J: cortar com 1 1/2" x 7 1/2" (azul claro 3)

Peça L: cortar com 1 1/2" x 7 1/2" (azul escuro 3)

Peça M: cortar com 1 1/2" x 8 1/2" (azul escuro 3)

Agora, siga o esquema de montagem abaixo:

Repare que primeiro foram costurados os retângulos A e B (lado claro) e depois os retângulos C e D (lado escuro); continue desta forma, costurando em seguida:

retângulos E e F (lado claro);
retângulos G e H (lado escuro);
retângulos I e J (lado claro);
retângulos L e M (lado escuro).

IMPORTANTE: PASSE SEMPRE AS MARGENS DE COSTURA PARA FORA - OU SEJA, NO SENTIDO DO NOVO RETÂNGULO QUE VOCÊ ACABOU DE COSTURAR.

E é só isso!

O bacana deste bloco é que ele tem um forte contraste na diagonal; se confeccionarmos mais blocos, dá para montar peças com designs muito interessantes. Veja só:
Exemplos de montagem com 4 blocos

Exemplos de montagem com 16 blocos

Mas você deve estar pensando: para costurar dezesseis blocos, quantos retângulos eu terei de montar ?!

Muita calma nessa hora rsrsrsrs... A resposta é: NENHUM. Quando confeccionar múltiplos blocos, basta se preocupar com a largura das tiras que formam os logs; corte várias tiras de cada cor, mas deixe-as inteiras - nada de cortar retângulos; os blocos são montados todos de uma vez só, partindo dessas tiras. Truques do patchwork! Em uma futura oportunidade prepararei uma aula sobre essa técnica.

Este foi nosso terceiro bloquinho. Breve postarei fotos dos blocos que já costurei. Quarta que vem tem mais... e vamos começar a trabalhar com triângulos também. Preparadas? Uma boa semana para todas e até lá!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Projeto Sampler 2017 - BLOCO 2

Bom dia e boa quarta-feira para todos!

Hoje é dia de bloco novo, e dia de aprendermos algumas jogadas interessantes. Prontas? Vamos lá!

Este é nosso bloco da semana. Ainda sem triângulos, mas com um número maior de quadradinhos e alguns encaixes mais elaborados.

Definindo o cálculo do bloco:

Ele está montado em uma grade de 8 x 8 quadradinhos; como o bloco precisa medir 8 polegadas, cada quadradinho da grade imaginária valerá uma polegada.

Então:
  • Os quadrados identificados com a letra C medirão 4 polegadas; corte com 4 ½”. Como essas peças são maiores, você pode usar uma estampa um pouco mais elaborada, em tom médio. Corte duas peças. Reserve.
Você deve estar imaginando, corretamente, que na sub-unidade com os quadradinhos azuis as peças devem medir:

  • quadradinho maior: 2 polegadas;
  • quadradinhos menores: 1 polegada;
  • retângulos: 2 x 1 polegadas
MAS...

...nós não vamos cortar essas peças; vamos empregar uma técnica esperta chamada strip-piecing – ou “montagem através de tiras”.

Você vai montar dois conjuntos de tiras diferentes, e desses conjuntos cortará "fatias" para montar sua peça:

Strip-piecing A:

Strip-piecing B:

NÃO ESQUEÇA: Passe todas as margens de costura das 
peças acima em direção ao tecido colorido. 

Agora vamos à montagem:

Comece unindo duas fatias A com uma fatia B,como mostra a ilustração; como você foi esperta e no passo anterior já passou todas as margens em direção ao tecido mais escuro, agora elas vão todas encaixar certinho:

Monte duas peças; a cada uma, você vai acrescentar um quadrado C - aquele que você cortou em tecido estampado e reservou:

Monte duas vezes, passando as margens de costura em direção ao quadrado C. Agora una essas duas peças:

Missão cumprida. Parabéns!

Agora, uma pergunta valendo dois pontos extras na média final (brincadeira!):


Ao montar os strip-piecings, está especificada acima a largura das tiras; e o comprimento? Qual deve ser?

Guarde essa:

Por exemplo: no caso do bloco acima; precisamos de 4 fatias A, e cada uma deve ser cortada com 1 1/2; então as tiras precisam medir no mínimo 6". Eu digo "no mínimo" porque na verdade a gente nunca deve preparar o strip-piecing exatamente no tamanho necessário. Vai que na hora de fatiar a régua escorrega, ou a gente erra na medida... Não viva perigosamente - use tiras mais compridas do que  necessário!

Já no caso da peça B, precisamos de duas "fatias" medindo 2 1/2"; então o strip-piecing precisa medir pelo menos 5 polegadas.
Agora: bacana mesmo é quando a gente precisa confeccionar muitos blocos: no caso do bloco acima, se precisássemos de 36 blocos, seria necessário cortar 144 fatias A; aí é que o strip-piecing compensa e agiliza muito o trabalho: bem mais rápido e eficiente do que ficar costurando ziliões de quadradinhos e retangulinhos.

Como vamos montar um bloco só, nem compensa tanto usar a técnica; mas eu quis ensinar o strip-piecing porque isso espanta o "bicho-papão" que assombra muita gente: quando uma pessoa leiga vê uma peça em patchwork, normalmente se assusta com a quantidade enorme de pedacinhos; mas a verdade é que existem inúmeros truques para chegar naquele resultado sem lidar com o que eu chamo de "estrogonofe": tudo picadinho!


Temos feriadão esta semana, então que tal um desafio? Faça mais peças! Com três ou quatro blocos você monta um centro ou caminho de mesa. Saca só:





Na quarta-feira de cinzas tem bloco novo. Bom carnaval e boas costuras!

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

AULA RELÂMPAGO: Bloco Mandala

LEMBRETE: Uma lição com o título de "aula-relâmpago" é voltada para alunas e ex-alunas do ateliê - pessoas já familiarizadas com meu método e terminologia. Se você é novata ou nunca foi aluna do ateliê, procure as lições numeradas: são lições básicas direcionadas a qualquer pessoa - mesmo quem nunca aprendeu patchwork. Acompanhe também o Projeto Sampler 2017 - ele acaba de começar e vai ensinar muitos segredos!

Bom dia!

Adoro quando encontro um bloco que me mostra uma nova possibilidade! No patchwork a gente comete todo tipo de sandice - cortamos um tecido picadinho, para depois juntar pedaços; às vezes costuramos para depois descosturar - como na técnica Bargello; outras vezes costuramos uma peça, depois riscamos e cortamos em pedaços, depois costuramos de novo - como na técnica Dança dos Quadrados.

O bloco que vou ensinar agora apresenta uma sandice a mais: montamos uma sub-unidade para depois cortá-la!

O bloco está montado em uma grade de 20 x 20 quadradinhos, onde cada quadradinho vale meia polegada:


Confeccionaremos então o bloco medindo 10 polegadas. É um bloco com proporções fora do padrão (as subunidades terão tamanhos diferentes), mas bem fácil de costurar - apesar de pedaçudo. Estas são as partes - ou sub-unidades - que o compõem:

Peça A: mede 3 polegadas.
  • Corte um quadradado em coringa medindo 3 1/2" (1x);
  • Quebre os cantos com quadradinhos cortados com 1 1/2", em tecido escuro (4x)



Peça B:

Esse é o mistério deste bloco!
  • Monte quadripartidos de 3 polegadas; ou seja, você vai precisar de quadrados medindo 4 1/4": 1x no tecido escuro, 2x no tecido médio e 1x no coringa.
  • Depois de prontos os 4 quadripartidos, você vai precisar cortá-los! Repare que a peça B é retângular: ela tem a largura da peça A, mas a altura da peça C, que é menor! Na verdade, sua altura é apenas 2 polegadas. Então você vai precisar cortar os quadripartidos prontos como mostra a ilustração acima, deixando as peças com 2 1/2 de altura.


Peça C:
  • Monte 4 bipartidos de 2 polegadas; para isso você vai precisar de quadrados de 2 7/8: 2x no coringa, 2x na cor média.
  • Depois de prontos os bipartidos, quebre os cantinhos sobre os triângulos na cor média; para isso, você vai precisar de 4 quadrados de 1 1/2, na cor escura.



Peça D:

Parece um ganso, mas não é!
  • Você vai precisar costurar duas tiras medindo 1 1/4 x 3 1/2; corte portanto 4 tiras na cor média e 4 tiras na cor escura. Monte quatro peças.
  • Em seguida, quebre os dois cantos dessas peças, simulando gansinhos; para isso, você vai precisar de 8 quadrados de 2" no coringa.

Peças complementares:

Corte, no tecido coringa:

4 retângulos de 2 x 2 1/2"
4 retângulos de 2 x 4"



Agora é só montar tudo como mostra a ilustração. divirta-se! Esta é uma bela versão deste bloco confeccionada por minha aluna Milene Oppermann:


Você conhece outra situação em que cortamos sub-unidades depois de prontas? Compartilhe com a gente! E se fizer o bloco ensinado aqui, envie a foto para a gente postar.

Por hoje é isso. Amanhã tem bloco novo do sampler. Até lá!